7 Songs to Celebrate Friendship

“You’ve Got a Friend In Me” – Randy Newman

Basta tocar o começo da música que todo mundo já reconhece o famoso tema da animação da Pixar “Toy Story” (1995) e também não é difícil encontrar quem saiba de cor a bonita letra que fala sobre apoiar os amigos, afinal, “os seus problemas são meus também”. No primeiro filme da trilogia, ela é utilizada para reforçar a ligação entre Andy e Woody, seu cowboy de brinquedo; o tema, contudo, fez tanto sucesso (assim como o filme) que acabou sendo utilizado também em “Toy Story 2” (1999) e “Toy Story 3” (2010), além de ter sido indicado como Melhor Canção Original no Oscar e no Globo de Ouro.

Como não poderia deixar de ser, a música tem vários covers e versões; entre os que já a regravaram estão Michael Bublé e Kenny Loggins. Entretanto, a versão mais conhecida entre os brasileiros é a cantada por Zé da Viola – presente no filme dublado – , que foi capaz de capturar muito bem o mesmo tom de Newman. Uma curiosidade é que a canção original foi composta em apenas um dia.

 

“With a Little Help From My Friends” – The Beatles

O maior quarteto de todos os tempos também consagrou, no excelente “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band” (1967), uma música sobre a importância da amizade. Escrita quase inteiramente por Paul McCartney, foi pensada desde o início como sendo a faixa que o bateristaRingo Starr interpretaria, assim foi composta em um tom que não exige muito alcance vocal. Antes do título ter sido escolhido, foi nomeada “Bad Finger Boogie” (“Boogie do Dedo Mau”, em tradução literal), porque, supostamente, John Lennon compôs a melodia com o dedo do meio, pois havia machucado o dedo indicador. Ironicamente, a canção é uma das tantas dos Beatles que provocava uma certa disputa entre Paul e John para definir quem havia escrito de fato. Apesar da letra ambígua, Lennon declarava que ela não tinha nada a ver com drogas.

 

 

“Friends Will Be Friends” – Queen

Se existe uma música que fala sobre amizade na voz do inesquecível Freddie Mercury, ela não poderia deixar de entrar na nossa playlist. “Friends Will Be Friends” foi escrita pelo próprio Freddie em parceria com John Deacon, o baixista do Queen, e inclusa no álbum “A Kind of Magic” (1986), o décimo segundo da banda inglesa.

Além do disco todo ter feito bastante sucesso, tendo atingido o 1º lugar nas paradas britânicas, o single também agradou e não por acaso está sempre presente em compilações dos maioreshits do grupo de rock, além de ter ganhado posição de honra nos shows, sendo diversas vezes executada entre as famigeradas “We Will Rock You” e “We Are the Champions”. A música também foi lançada em versão estendida, com dois minutos a mais, em vinil.

 

 

“You’ve Got a Friend” – James Taylor

You’ve Got a Friend” é uma canção de 1971, originalmente escrita e interpretada por Carole King. Foi incluída no seu álbum Tapestry de 1971, mas ficou conhecida pela versão, do mesmo ano de James Taylor.

 

 

“Me and My Friends” – Red Hot Chili Peppers

A música apareceu pela primeira vez no álbum “The Uplift Mofo Party Plan”, de 1987, e logo conquistou vários fãs. Tanto que, mesmo nunca tendo sido lançada como single, alcançou um sucesso tal que não pode faltar nas apresentações. Isso explica “Me and My Friends” ser a sexta canção mais interpretada nos shows, ainda que faça parte do passado remoto do Red Hot Chili Peppers.

A música foi composta pelo vocalista Anthony Kiedis para seus camaradas, tanto que três nomes são mencionados na letra.

 

 

“Bridge Over Troubled Water” – Simon and Garfunkel

Bridge over Troubled Water – é o nome da canção título do álbum de mesmo nome escrita por Paul Simon, sendo um dos maiores sucessos da dupla Simon and Garfunkel. Lançada no dia 26 de Janeiro de 1970. Bridge over Troubled Water chegou a número um nas paradas da Billboard Hot 100 no dia 28 de Fevereiro de 1970 e lá permaneceu por seis semanas.1 Este álbum está na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame.2 Ainda recebeu cinco GRAMMYs, incluindo o de melhor canção e disco do ano de 1970, durante a cerimônia de entrega da academia nacional da indústria das artes e ciências de gravação, nos EUA (National Academy of Recording Arts and Sciences—NARAS); o mesmo álbum recebeu mais um GRAMMY no mesmo ano (melhor álbum).

 

“Canção da América” – Milton Nascimento

Que amigo é coisa pra se guardar do lado esquerdo do peito e debaixo de sete chaves, a gente já sabe faz tempo. O que você provavelmente não sabia é que um dos maiores hinos à amizade foi compost0 por Milton Nascimento em homenagem ao multi-instrumentista sul-africano Ricky Fataar, quando, em 1979, fez uma viagem a Los Angeles e acabou não se encontrando com o amigo, como gostaria. Naquela mesma noite, a “Canção da América” surgiu em um quarto de hotel.

A letra escrita por Milton, contudo, era em inglês e tinha o nome de “Unencounter” (“Desencontro”, em tradução para o português). O responsável pela versão traduzida, que se consagrou após Milton gravá-la no álbum “Sentinela” (1980) junto ao Boca Livre, foi o músico Fernando Brant. É interessante mencionar que a música original, criada em solo americano, não tinha nenhuma referência a “América” ou “sete chaves”.

Sobre ela, Milton disse certa vez, para o programa “Altas Horas”, que “essa música serve para qualquer coisa que você pensar, alegre, triste, falta de gente, de ver gente chegando, e tudo”.

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s